Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Bolsonaro confirma que óleo afetando praias do Nordeste não é brasileiro

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Bolsonaro confirma que óleo afetando praias do Nordeste não é brasileiro
COMPARTILHE

Manchas atingiram 132 localidades em 61 municípios. Marinha do Brasil monitora navios para identificar origem do óleo.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, se reuniu, nesta segunda-feira (7), com ministros e comandantes das Forças Armadas na sede do Ministério da Defesa.

A pauta da reunião foi o aparecimento de manchas de óleo em praias do Nordeste, que estão sendo analisadas pelas autoridades desde o dia 2 de setembro.

Após o encontro, Bolsonaro disse a jornalistas que trata-se de uma investigação “bastante complexa” e frisou que o óleo não é produzido e nem comercializado no Brasil:

“Pode ser algo criminoso, pode ser um vazamento acidental, pode ser um navio que naufragou também. Agora, é complexo. Temos, no radar, um país que pode ser o da origem do petróleo e continuamos trabalhando da melhor maneira possível.”

De acordo com o site G1, participaram presencialmente da reunião em Brasília os ministros Fernando Azevedo e Silva (Defesa), Augusto Heleno (Segurança Institucional), Bento Albuquerque (Minas e Energia), Ernesto Araújo (Relações Exteriores) e os comandantes Edson Leal Pujol (Exército) e Antonio Bermudez (Aeronáutica).

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e o comandante da Marinha, Ilques Barbosa, participaram da audiência por videoconferência. Salles está em Sergipe, para onde viajou a fim de fazer um sobrevoo pelo litoral. Ilques Barbosa está no Rio de Janeiro.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.