Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Bolsonaro confirma suspensão das compras de seringas

Foto: Reprodução/Reuters
COMPARTILHE

Bolsonaro disse que Estados e municípios têm estoques de seringas para o início das vacinações.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, confirmou, nesta quarta-feira (6), o Ministério da Saúde suspendeu a compra de seringas. 

“Até que os preços voltem à normalidade”, enfatizou Bolsonaro.  

De acordo com o chefe do Executivo, o Brasil consome 300 milhões de seringas por ano:  

“Como houve interesse do Ministério da Saúde em adquirir seringas para seu estoque regulador, os preços dispararam e o MS suspendeu a compra até que os preços voltem à normalidade.” 

Ainda segundo Bolsonaro, Estados e municípios têm estoques de seringas para o início das vacinações contra o coronavírus

“Também somos um dos maiores fabricantes desse material”, acrescentou Bolsonaro.  

Na publicação, o mandatário brasileiro ainda destaca: 

“Por volta de 44 países estão vacinando, contudo a Pfizer vendeu para muitos desses apenas 10.000 doses. Daí a falácia da mídia como se estivessem vacinando toda a população.” 

Bolsonaro também colocou, na postagem, uma tabela, segundo ele, com o porcentual de vacinados em alguns países até 4 de janeiro. Confira. 

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
1 Comentário
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
helio
helio
19 dias atrás

Pergunta:
Fazer seringa exige tanta tecnologia assim a ponto de não conseguirmos produzi?

PUBLICIDADE