Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Bolsonaro destaca ‘potencial incalculável’ da Amazônia

Bolsonaro destaca 'potencial incalculável' da Amazônia
COMPARTILHE

“Nós temos responsabilidade para mantê-la nossa, sem abrir mão de explorá-la de forma sustentável”, disse Bolsonaro sobre a Amazônia.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou que “maus brasileiros” fazem “campanha com números mentirosos” sobre a Amazônia.

A declaração foi feita em cerimônia na Bahia, nesta segunda-feira (5), para inaugurar a primeira etapa de uma usina solar flutuante instalada no reservatório da cidade baiana de Sobradinho.

Em discurso na ocasião, Bolsonaro declarou:

“A Amazônia é um potencial incalculável. Por isso, alguns maus brasileiros ousam fazer campanha com números mentirosos contra a nossa Amazônia.”

E, segundo o site G1, acrescentou:

“E nós temos que vencer isso e mostrar para o mundo, primeiro, que o governo mudou e, depois, que nós temos responsabilidade para mantê-la nossa, sem abrir mão de explorá-la de forma sustentável.”

Na última semana, como noticiou a RENOVA, Bolsonaro demonstrou a intenção de explorar a mineração de potássio na foz do Rio Madeira.

“Temos que resolver esse assunto. Não dá para continuar assim. Temos, por exemplo, que explorar potássio na foz do Rio Madeira. Importamos quase 100% do potássio da Rússia”, afirmou o chefe do Executivo.

A região já foi explorada pela Petrobras, que identificou a existência de 1,1 bilhão de toneladas na Mina de Fazendinha, no município de Nova Olinda do Norte, mas abandonou o projeto na década de 70, informa o site Povos Indígenas no Brasil.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários