Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Bolsonaro destaca que diretor da OMS não é médico

Bolsonaro destaca que diretor da OMS não é médico
COMPARTILHE

“O pessoal fala tanto de seguir OMS… o diretor-presidente da OMS é medico? Não é médico”, diz Bolsonaro.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, rebateu, nesta quinta-feira (23), as críticas que vem recebendo por defender uma “tese diferente” da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Em live no Facebook, Bolsonaro enfatizou que o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, não é médico:

“Eu estou respondendo a processo dentro e fora do Brasil, estou sendo acusado de genocídio por ter defendido uma tese diferente da OMS. O pessoal fala tanto de seguir OMS… o diretor-presidente da OMS é medico? Não é médico.”

Ao lado do presidente da Caixa, Pedro Guimarães, o chefe do Executivo acrescentou:

“Mesma coisa que falar aqui no Brasil que o presidente da Caixa não fosse alguém da economia. Não tem cabimento. Se eu fosse presidente da Caixa, não iria fazer nada.”

Bolsonaro também discordou da orientação da OMS para isolamento social completo como melhor forma de conter a pandemia do coronavírus:

“Se a nossa renda vai cair, a morte chega mais cedo e isso que sempre busquei levar ao conhecimento público. Eu não podia fugir da verdade.”

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE