Bolsonaro diz que aproximação com os EUA pode ser bélica

Português   English   Español
Bolsonaro diz que aproximação com os EUA pode ser bélica
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

O presidente brasileiro mostrou-se preocupado com a relação entre Venezuela e Rússia.

Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira (3) que, no futuro, aceitaria discutir a instalação de uma base militar dos Estados Unidos no território brasileiro.

Em entrevista ao “SBT“, o presidente do Brasil afirmou:

De acordo com que possa vir a acontecer no mundo, quem sabe se você não tenha que discutir essa questão no futuro.

E, segundo o “UOL“, acrescentou:

A questão física pode ser até simbólica, porque hoje em dia o poderio das forças armadas americanas, chinesas, russas, alcança o mundo todo, independentemente de base.

O presidente brasileiro manifestou sua “preocupação” com as manobras militares realizadas no início dezembro entre Venezuela e Rússia no solo venezuelano, para as quais foram enviados bombardeiros nucleares russos.

Bolsonaro alertou:

Como estava previsto, Rússia fez uma manobra na Venezuela, nós sabemos qual a intenção do governo de Maduro, da ditadura do Maduro, e o Brasil tem que se preocupar com isso.

O capitão reformado do exército afirmou:

Nós não queremos aqui ter um superpoder na América do Sul, mas devemos ter, ao meu entender, a supremacia.

E, apontando uma possível parceria militar com os Estados Unidos, completou:

Minha aproximação com os Estados Unidos é econômica, mas pode ser bélica também. Podemos discutir esta questão no futuro.

SIGA A RENOVA

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...