Bolsonaro eleva IOF para custear Auxílio Brasil

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Chefe do Executivo aumenta IOF até o fim do ano para custear Auxílio Brasil.

O presidente Jair Bolsonaro assinou, nesta quinta-feira (16), decreto para elevar alíquotas do Imposto sobre Operações de Crédito, Câmbio e Seguro, ou relativas a Títulos ou Valores Mobiliários (IOF), relacionados às operações de crédito para pessoas jurídicas e físicas, até o fim de 2021.

Os recursos serão utilizados para custear o programa “Auxílio Brasil”.

O governo tenta tirar do papel este novo programa de transferência de renda para substituir o “Bolsa Família”. 

A ideia do governo é que o programa atenda diretamente cerca de 17 milhões de famílias. Atualmente, são 14,6 milhões.

O repasse médio deve girar em torno de R$ 300. Hoje em dia é R$ 189.

O ganho de arrecadação com o aumento do IOF também permitirá o aumento da cota de importação de bens destinados à Ciência e Tecnologia, viabilizando estudos e pesquisas em curso no país, como para o desenvolvimento e produção de imunizantes.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.