Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Bolsonaro espera que Câmara não siga Senado sobre decreto das armas

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Bolsonaro espera que Câmara não siga Senado sobre decreto das armas
COMPARTILHE

Decretos que flexibilizam porte e comercialização de armas tiveram suspensão aprovada por senadores.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, comentou sobre a derrota no Senado, na noite desta terça-feira (18), dos decretos que flexibilizam o acesso a armas pela população.

Em publicação na rede social Twitter, Bolsonaro disse esperar que a suspensão seja revertida na Câmara dos Deputados, para onde segue a matéria.

“Esperamos que a Câmara não siga o Senado, mantendo a validade do nosso Decreto, respeitando o Referendo de 2005 e o legítimo direito à defesa”, declarou Bolsonaro.

O projeto de decreto legislativo (PDL 233/2019) que suspende os decretos presidenciais foi aprovado por 47 votos a favor e 28 votos contra, no plenário do Senado Federal.

De autoria do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), a proposta seguirá para avaliação da Câmara dos Deputados.

“O direito à legítima defesa não pode continuar sendo violado! Nem todo mundo possui condição de ter seguranças armados”, acrescentou Bolsonaro em uma publicação seguinte.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.