Bolsonaro exigiu retirada do púlpito vazio de Lula em debate na RedeTV

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O púlpito vazio do ex-presidente Lula foi retirado pela RedeTV! após protesto do candidato Jair Bolsonaro (PSL), que ameaçou não participar do debate.

A emissora consultou os demais concorrentes, que concordaram, segundo Igor Gadelha, da “Crusoé”, reproduzido pelo O Antagonista.

A matéria publicada pelo Estadão, no entanto, não menciona a exigência de Jair Bolsonaro.

A RedeTV, que organizou o debate desta sexta-feira, 17, entre os candidatos à Presidência da República, decidiu retirar o púlpito que seria do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), preso e condenado na Operação Lava Jato, e líder da chapa petista nas eleições 2018.

A emissora consultou os candidatos pouco antes do início do programa sobre a manutenção do espaço, mesmo vazio, da chapa petista. Apenas Guilherme Boulos, do PSOL, era favorável a manter o púlpito.

Esta matéria será atualizada com mais informações assim que novas informações forem publicadas.

Renova Mídia havia informado sobre a intenção da emissora de televisão em colocar o púlpito vazio do ex-presidente petista Luiz Inácio Lula da Silva durante o debate entre os candidatos ao Planalto na noite desta sexta-feira (17).

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.