Bolsonaro falou sobre o relatório da Coaf envolvendo ex-assessor do seu filho

Idiomas:

Português   English   Español
Jair Bolsonaro falou sobre o relatório da Coaf
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O presidente eleito conversou com seus eleitores através de uma transmissão ao vivo nesta quarta-feira (12) pela rede social Facebook.

Após abordar assuntos importantes para a geopolítica brasileira, Jair Bolsonaro finalizou a transmissão ao vivo prestando esclarecimentos sobre o caso do ex-assessor de seu filho, o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ).

Fabrício José de Queiroz teria movimentado R$ 1,2 milhão em um período de um ano, o que foi considerado como “atípico” por ser incompatível com o patrimônio e com a atividade econômica do ex-assessor.

Bolsonaro declarou:

Eu não sou investigado. Meu filho Flávio Bolsonaro não é investigado. E esse ex-assessor nosso será ouvido na semana que vem. Esperamos que ele dê os devidos esclarecimentos.

E acrescentou:

Agora, se algo estiver errado, que seja comigo, com meu filho ou com o Queiroz, que paguemos a conta deste erro com o qual não podemos comungar.

Apesar de ter observado que o caso do ex-assessor foi fruto de um vazamento, Bolsonaro afirmou que não é contra. O futuro chefe de Estado também lamentou a situação:

Não sou contra vazamento não, tem que vazar tudo mesmo. Nem devia ter nada reservado, botar tudo para fora e chegar a conclusão. Dói no coração? Dói. o que temos de mais firme é o combate à corrupção.

O pronunciamento ao vivo pelo Facebook durou cerca de 16 minutos e foi visto por milhares de pessoas.

Adaptado da fonte O Globo

Newsletter RENOVA

Receba diariamente as últimas notícias do Brasil e do Mundo.

Curta e compartilhe esta notícia

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário

Veja outras notícias em destaque