Português   English   Español

Bolsonaro não vai pedir apoio de João Amoêdo

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, não vai telefonar para João Amoêdo pedindo apoio do partido Novo no segundo turno.

“Mais fácil uma vaca passar voando por aqui”, disse um assessor do candidato do PSL, conforme noticiado pelo O Antagonista.

O candidato à Presidência João Amoêdo (Novo) fez uma avaliação positiva do seu desempenho na eleição em entrevista logo após o resultado do primeiro turno, em que obteve 2,51% dos votos válidos.

Ao ser questionado sobre apoio para o segundo turno, entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), Amoedo disse que essa será uma discussão do diretório nacional do partido, mas adiantou quem ele acredita que o partido não vai apoiar Haddad.

De acordo com o candidato, o partido tem apenas três anos de existência e conseguiu o quinto lugar na disputa deixando para trás candidaturas consolidadas e partidos tradicionais no país.

Com 99% dos votos apurados, o candidato tinha 2.678.366 dos votos e ficou na frente de Cabo Daciolo, Marina Silva, Alvaro Dias e Henrique Meirelles.

 

Adaptado da fonte G1

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter