Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Bolsonaro optou por não receber chanceler da França, diz porta-voz

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Bolsonaro optou por não receber chanceler da França

Foi uma decisão de Bolsonaro não receber o chanceler da França em reunião marcada para a tarde de hoje, informou o porta-voz.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, cancelou uma agenda que manteria na tarde desta segunda-feira, 29 de julho, com o ministro de Relações Exteriores da França, Jean-Yves Le Drian.

Bolsonaro deveria receber Le Drian em audiência às 15h no Palácio do Planalto, numa conversa que deveria se estender até às 15h30.

Entretanto, alguns minutos antes da reunião, o francês foi avisado pelo ministro das Relações Exteriores do Brasil, Ernesto Araújo, de que Bolsonaro não teria mais horário disponível para o encontro.

Poucos minutos depois do horário em que a reunião deveria acabar, por volta de 15h45, o presidente apareceu em uma live nas redes sociais cortando o cabelo.

Posted by Jair Messias Bolsonaro on Monday, July 29, 2019

Foi uma decisão de Bolsonaro não receber o chanceler da França em reunião marcada para a tarde de hoje, informou o porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, em entrevista coletiva nesta segunda.

Segundo Rêgo Barros, o chefe do Executivo considerou que o francês já havia sido recebido pelo ministro Ernesto Araújo e por isso dispensou o encontro com o principal representante diplomático do governo Emmanuel Macron.

Diante do cancelamento com o presidente, o vice-presidente Hamilton Mourão também modificou sua agenda e decidiu não se encontrar com o francês. A reunião estava prevista para às 16h.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email