Bolsonaro parabeniza Trump por decisão sobre Jerusalém e diz que Israel é uma “ilha num mar de ditaduras”

Idiomas:

Português   English   Español
Brasília - Conselho de Ética rejeita processo contra o deputado Jair Bolsonaro por citar Brilhante Ustra (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O pré-candidato à presidência do Brasil mandou um abraço pro presidente dos EUA e classificou Israel como um país irmão.


Jair Bolsonaro fez a declaração durante visita à cidade Anápolis, em Goiás, para prestigiar a formatura de turma do 3º ano de um colégio militar.

Após o evento, o deputado federal e presidenciável fez um discurso na praça Dom Emanuel para uma multidão de apoiadores. Foi lá que ele pediu uma salva de palmas e mandou um abraço para o presidente Trump por sua decisão sobre Jerusalém.

A posição de Bolsonaro sobre Israel é completamente diferente da tomada pelo atual governo brasileiro. O Itamaraty contrariou a decisão de Trump e reforçou sua posição de que a solução para cidade deve ser negociada com os palestinos.

Bolsonaro encerrou o discurso com o slogan “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos” enquanto o povo gritava “mito, mito, mito”. Confira o vídeo completo.

Newsletter RENOVA

Receba gratuitamente as principais notícias do Brasil e do Mundo por email.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

Veja também...