Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Bolsonaro quer difundir escolas militares pelo Brasil

Tarciso Morais

Tarciso Morais

COMPARTILHE

“Nós temos de levar esse método pra outras escolas”, disse o presidenciável quando questionado sobre distribuição de renda.

Contrário à taxação de grandes fortunas e crítico do Bolsa Família, o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL-RJ) disse que a distribuição de renda se faz por meio de melhorias na educação e defendeu a militarização das escolas.

Durante entrevista coletiva em Boa Vista, capital do Roraima, nesta quinta-feira (12), Bolsonaro declarou:

A maior distribuição de renda que se pode fazer é por meio do conhecimento. Você pega as escolas militarizadas, de Goiás e Amazonas. Percentualmente falando, são as que mais aprovam nas universidades. Tem disciplina. Temos de levar esse método pra outras escolas.

E acrescentou:

Nós temos de levar esse método pra outras escolas. Fiquem tranquilos que não dá pra colocar militares em todas as escolas, não tem militar pra tanta coisa.

Foi a resposta à pergunta da reportagem sobre dados recentes do IBGE, segundo os quais 10% dos mais ricos concentram 43% do rendimento do país e o número de miseráveis aumentou em 1,5 milhão de pessoas.

Em Amazonas e em Goiás, os governos estaduais têm cedido a administração de escolas públicas à Polícia Militar. No estado do Norte, são oito estabelecimentos de ensino sob controle da PM.

Em sua viagem ao estado do Roraima, que sofre com o alto fluxo imigrantes, Bolsonaro também sugeriu a criação de campos para refugiados da Venezuela.

Com informações de: [GdP]
- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram