Português   English   Español

Bolsonaro quer Magno Malta no governo, mas não como ministro

Bolsonaro afirmou que conta com a ajuda de Malta e que há espaço para ele no governo, mas não em um ministério.

O presidente eleito Jair Bolsonaro deu a declaração em um evento da Comunidade católica Canção Nova, no interior de São Paulo, nesta sexta-feira (30).

O futuro chefe de Estado afirmou:

O Magno Malta é uma pessoa que me ajudou muito e ele sabe que tem o meu respeito. Ele não vai ficar abandonado, mas, por outro lado, ele tem como participar do governo em outra função, fora de um ministério.

Aliado de Bolsonaro durante toda a campanha à presidência, Magno Malta era apontado como um dos ministros e sua indicação ganhou ainda mais força depois que ele não conseguiu se reeleger para o Senado por Espírito Santo.

A baixa reputação do político, entretanto, pesou na decisão de Bolsonaro. Malta é acusado de ter apoiado os governos de Lula e Dilma Rousseff, o que não agrada os apoiadores do presidente eleito, registra o IG.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter