- PUBLICIDADE -

Bolsonaro rebate comentários da França sobre a Amazônia

Agência da França tem € 500 milhões para projetos no Brasil em 2021
- PUBLICIDADE -

“Gente de qualquer lugar do mundo acabou migrando para França”, diz Bolsonaro.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, voltou a criticar, nesta quinta-feira (20), o governo da França

Não existe amizade entre nações, existe interesse“, afirmou o chefe do Executivo em live nas redes sociais.

A declaração de Bolsonaro é uma resposta aos comentários recentes do ministro do Comércio Exterior da França, Franck Riester, que ameaçou boicotar o acordo histórico entre Mercosul e União Europeia.

Em audiência no Senado francês, como noticiou a Renova, Riester disse que a Amazônia não é apenas dos brasileiros, mas da humanidade.

Bolsonaro disse que a posição francesa reflete um interesse econômico por uma questão de concorrência comercial com o Brasil

“Imagine se eu falo isso, ‘nós não vamos assinar o acordo com a UE’, o que iriam falar de mim? É interesse econômico. A França concorre conosco em muitas coisas, não vai chegar perto de nós, mas concorre em commodities.”

Bolsonaro ainda questionou a política de fronteiras abertas da França:

“Como o seu povo está vivendo? Gente de qualquer lugar do mundo acabou migrando para lá.”

O presidente brasileiro acrescentou que as mulheres não são respeitadas por estrangeiros que foram morar em território francês:

“Não tem respeito com mulher, acha que é um ser de segunda ou terceira categoria.”

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -