Português   English   Español

Bolsonaro rebate críticas ao decreto da posse de armas

Bolsonaro rebate críticas ao decreto da posse de armas
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Bolsonaro assinou decreto que flexibiliza a posse de armas de fogo no Brasil na terça-feira (15), em cerimônia no Palácio do Planalto.


O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira (17) que “muitas falácias” estão sendo usadas “a respeito da posse de armas”.

Em seu perfil oficial na rede social Twitter, Bolsonaro declarou:

“Muitas falácias sendo usadas a respeito da posse de armas. A pior delas conclui que a iniciativa não resolve o problema da segurança pública. Ignorando o principal propósito, que é ‘iniciar’ o processo de assegurar o direito inviolável à legítima defesa.”

E, em um tuíte seguinte, acrescentou:

“Para a infelicidade dos que torcem contra, medidas eficientes para segurança pública ainda serão tomadas e propostas. Os problemas são profundos, principalmente pelo abandono dos governos anteriores. Mal dá pra resolver tudo em 4 anos, quem dirá em 15 dias de governo.”

Segundo o decreto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão comprar até quatro armas de fogo para guardar em casa e deverão preencher uma série de requisitos, como passar por avaliação psicológica e não ter antecedentes criminais, conforme noticiou a RENOVA.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...