Bolsonaro reduz rejeição e aumenta vantagem em pesquisa XP

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

A rejeição de Jair Bolsonaro caiu 5 pontos de uma semana para a outra. Grupo de eleitores que dizem que não votariam no capitão do exército cai de 62% para 57% após atentado.

Segundo a pesquisa XP Investimentos/Ipespe, realizada entre 10 e 12 de setembro, o candidato do PSL é menos rejeitado do que Marina Silva e Geraldo Alckmin, e empata com Fernando Haddad e Ciro Gomes.

Foto: Reprodução / O Antagonista

Segundo o levantamento, Jair Bolsonaro (PSL) saltou de 23% para 26% das intenções de voto no intervalo de uma semana e agora está 14 pontos percentuais à frente de Ciro Gomes (PDT), adversário mais bem posicionado na disputa.

As informações foram obtidas na InfoMoney. O jornal explica mais sobre o posicionamento do petista Fernando Haddad na pesquisa da XP:

Na semana em que foi oficializado candidato – substituindo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva -, o ex-prefeito paulistano Fernando Haddad (PT) chegou a 10% das intenções de voto no cenário estimulado de primeiro turno. O desempenho representa uma oscilação positiva de 2 pontos percentuais em relação à pesquisa da semana anterior e um salto de 4 pontos comparando com levantamento de duas semanas atrás.

Com esse desempenho, Haddad aparece tecnicamente empatado com outros três candidatos na corrida presidencial: o ex-governador do Ceará Ciro Gomes, que, em tendência de alta há três semanas atingiu seu maior patamar da série histórica, aos 12%; o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB), que apesar da larga vantagem em tempo de propaganda no rádio e na televisão, não consegue sair dos 9%; e a ex-senadora Marina Silva (Rede), que dá sinais de desidratação ao sair de 13% há duas semanas para 8% agora.

Confira os cenários de primeiro turno apresentando pela InfoMoney para a corrida presidencial testados pela pesquisa. A margem de erro máxima é de 2 pontos percentuais para cima ou para baixo.

Pesquisa espontânea: sem apresentação de nome dos candidatos

Foto: Reprodução / InfoMoney

Cenário 1: pesquisa estimulada

Foto: Reprodução / InfoMoney

Cenário 2: com Fernando Haddad, ‘apoiado por Lula’*

Foto: Reprodução / InfoMoney

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Isso também pode te interessar

Deixe seu comentário

Anunciante
e-consulters
Parceiro

Assine nossa Newsletter!

Preencha o formulário para assinar.

Nome Email
newsletter

Últimas publicações