Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Bolsonaro rejeita ‘indulto para criminosos’ em seu futuro governo

Bolsonaro rejeita 'indulto para criminosos' em seu futuro governo
COMPARTILHE

Bolsonaro usou sua conta no Twitter para falar sobre o julgamento do decreto do indulto natalino, que acontecerá nesta quarta-feira (28) no Supremo Tribunal Federal (STF).

O presidente eleito afirmou que “se houver indulto para criminosos neste ano, certamente será o último”.

Através do seu perfil oficial no Twitter, Jair Bolsonaro escreveu:

Fui escolhido presidente do Brasil para atender aos anseios do povo brasileiro. Pegar pesado na questão da violência e criminalidade foi um dos nossos principais compromissos de campanha.

Liberação do indulto natalino

O Supremo Tribunal Federal (STF) retoma nesta quarta-feira (28) o julgamento sobre a constitucionalidade do controverso decreto de indulto natalino assinado pelo presidente Michel Temer, no ano passado.

Em dezembro do ano passado, durante o recesso de fim de ano, a então presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, atendeu a um pedido da PGR e suspendeu o decreto.

Em seguida, o relator do caso, ministro Luís Roberto Barroso, restabeleceu parte do texto, retirando a possibilidade de benefícios para condenados por crimes de corrupção, como os presos da Lava Jato, segundo informações da Jovem Pan.

 

Repercussão negativa

A possível liberação do decreto de Temer pelo Supremo está causando calafrios em procuradores integrantes da Operação Lava Jato.

O procurador Deltan Dallagnol, por exemplo, alertou que caso o indulto natalino seja mantido pelo STF, dezenas de corrutos condenados na Lava Jato ficarão em liberdade, conforme noticiou a Renova Mídia.

Na tarde desta quarta-feira (28), procuradores da República passaram a convocar a população brasileira em redes sociais para participar de um ‘tuitaço’ contra o decreto de indulto natalino.

No momento de publicação desta matéria, a hashtag #IndultoNão já é o assunto mais comentado do Twitter brasileiro.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE