Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Bolsonaro tenta mostrar kit gay durante sabatina na Globo

Tarciso Morais

Tarciso Morais

COMPARTILHE

O candidato Jair Bolsonaro (PSL) tentou mostrar livro de educação sexual infantil ao vivo, durante sabatina na Rede Globo, mas foi impedido pelos apresentadores da bancada do Jornal Nacional.

No segundo dia de entrevistas com presidenciáveis no Jornal Nacional, Bolsonaro foi o alvo de uma “plataforma de tiro de artilharia”, conforme dito pelo próprio candidato pouco antes do início da entrevista.

Ele inclusive levou ao Jornal Nacional (JN) uma cartilha que as câmeras evitaram focar, e que se referia ao que o próprio candidato elencou como “kit gay”, segundo informações da Gazeta do Povo.

“Tirem o filho da sala para não ver esse livro. Um pai não quer encontrar filho com boneca por influência da escola”, disse Jair Bolsonaro.

Os apresentadores disseram que o candidato não poderia exibir documentos ao vivo. Bolsonaro repetiu que não é contra gays, mas contra o que considera ser a doutrinação de crianças.

“Estão ensinando em algumas escolas que homem com mulher está errado”, acrescentou o presidenciável.

Logo após a entrevista chegar ao fim, o deputado federal utilizou seu perfil pessoal no Twitter para publicar uma imagem da cartilha.

Bolsonaro também questionou os dados oferecidos pela apresentadora Renata Vasconcelos sobre mortes motivadas pela homofobia no País.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram