Português   English   Español

Bolsonaro fala em trabalho escravo e promete asilo a cubanos

O presidente eleito Jair Bolsonaro disse nesta quarta-feira (14) que, quando ele assumir o governo, os cubanos que pedirem asilo ao Brasil receberão esse status.

Jair Bolsonaro comparou a atuação dos médicos enviados pela ditadura de Cuba no programa Mais Médicos com trabalho escravo.

Em entrevista coletiva ao lado do futuro ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, não poupou críticas aos médicos cubanos e voltou a duvidar da capacidade dos profissionais.

‘Duvido que você queira ser atendido pelos cubanos’, disse.

Por fim, ele disse que ninguém “aceitaria trabalhar nesse regime que estão trabalhando aqui” e que essas questões foram cruciais para que tomasse as medidas que levaram ao fim do acordo entre Cuba e Brasil.

‘Essas questões são cruciais, tá certo, para que a gente possa ter os profissionais aqui dentro’, argumentou.

 

Adaptado da fonte EM

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter