Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Bolsonaro veta perdão a dívidas tributárias de igrejas e templos

O presidente Jair Bolsonaro classificou as multas às igrejas como "absurdas".

Tarciso Morais

Tarciso Morais

PF investiga planejamento de atentado contra Jair Bolsonaro
Imagem: MYKE SENA/METROPOLES
COMPARTILHE

O presidente da República, Jair Bolsonaro, decidiu vetar uma parte do perdão das dívidas tributárias de igrejas e templos religiosos.

A medida estava prevista em um projeto de lei aprovado às pressas pelo Congresso Nacional no mês passado.

Em publicação nas redes sociais, na manhã desta segunda-feira (14), Bolsonaro explicou que a medida era necessária para evitar que respondesse a um processo de impeachment por crime de responsabilidade fiscal.

Apesar disso, o chefe do Executivo se mostrou favor da não tributação de templos e contra “as absurdas multas às igrejas”.

Bolsonaro sugeriu ainda que deputados e senadores derrubem o veto, permitindo, dessa forma, a sanção do projeto original sem nenhum tipo de implicação para ele.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.