- PUBLICIDADE -

Bolsonaro veta uso obrigatório de máscaras em templos e órgãos públicos

'Estou trazendo trabalho pra casa' diz Bolsonaro
- PUBLICIDADE -

O texto prevê multa a quem descumprir a medida, mas o valor será definido pelos estados e municípios.

Com 17 vetos, o presidente da República, Jair Bolsonaro, sancionou a nova legislação que obriga o uso de máscaras em espaços compartilhados.

A sanção foi publicada, na madrugada desta sexta-feira (3), no Diário Oficial da União.

Dentre os vetos do chefe do Executivo, está o que obrigava o uso de máscaras em templos religiosos, no serviço público e em estabelecimentos comerciais. 

Ao justificar a decisão, Bolsonaro disse que essas regras incorriam em “possível violação de domicílio”.

Além disso, Bolsonaro vetou trecho que obrigava o poder público a fornecer máscaras gratuitamente para as populações em situação de vulnerabilidade.

O projeto de lei foi aprovado na Câmara dos Deputados no dia 9 de junho, após voltar do Senado Federal com algumas mudanças.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -