Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Bolton acusa Coreia do Norte de violar restrições com novos testes

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Bolton acusa Coreia do Norte de violar restrições com novos testes

“Não há dúvida de que esses lançamentos […] são contra as resoluções do Conselho de Segurança da ONU”, afirmou John Bolton, membro do alto escalão do governo Trump.

O assessor de segurança nacional dos Estados Unidos, John Bolton, admitiu neste sábado (25) que os recentes lançamentos de mísseis por parte da Coreia do Norte violam as resoluções da ONU.

O posicionamento difere da reação inicial da Casa Branca, que tentou diminuir a importância dos testes recentes efetuados pelo regime de Kim Jong Un.

Em declarações a um grupo de jornalistas em Tóquio, no Japão, segundo a agência EFE, Bolton afirmou:

“Não há dúvida de que esses lançamentos, feitos em 4 e 9 de maio, são contra as resoluções do Conselho de Segurança da ONU.”

É a primeira vez que um alto funcionário do governo de Donald Trump admite que os últimos testes norte-coreanos violaram as resoluções da ONU.

Tanto a Coreia do Sul, como os Estados Unidos colocaram panos quentes para esses testes balísticos, que foram supervisionados pelo ditador da Coreia do Norte.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email