PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Boom de gás natural chega ao Brasil com importação privada

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Investidores estrangeiros têm financiado projetos para importar gás natural liquefeito.

O Brasil já não está à margem da expansão global do mercado de gás natural.

O governo Jair Bolsonaro deve mais que dobrar o número de instalações que podem processar gás líquido para entrega às usinas elétricas. 

Investidores estrangeiros, como a britânica BP e a firma de investimento norte-americana Stonepeak Infrastructure Partners, têm financiado projetos para importar gás natural liquefeito.

Enquanto isso, o Brasil abre seus mercados de energia à concorrência, encerrando o monopólio de fato de décadas da estatal Petrobras.

O plano Novo Mercado do Gás, proposto pelo governo atual, visa promover a concorrência, aumentar o uso do combustível na geração de energia e otimizar a regulamentação.
“Os dias de monopólio terminaram, e o Brasil verá os preços do gás natural caírem à medida que o que chamamos de ’spread do monopólio’ desaparecer”, afirmou Carlos Langoni, economista da Fundação Getulio Vargas, segundo o site InfoMoney.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.