Brasil condena ações do regime da Nicarágua contra imprensa

Idiomas:

Português   English   Español
Brasil condena ações do regime da Nicarágua contra imprensa
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Itamaraty condenou ações recentes do regime Ortega contra organizações de direitos humanos e membros da imprensa.


O Ministério das Relações Exteriores condenou nesta segunda-feira (17) decisões do ditador da Nicarágua, Daniel Ortega, como o cancelamento da personalidade jurídica de organizações de direitos humanos e adoção de medidas restritivas contra a imprensa.

O governo do Brasil fez ainda um apelo para que se restaure a “normalidade no funcionamento das instituições dos padrões de convivência democrática” no país, registra a agência “EBC“.

No comunicado, o Itamaraty desaprova medidas restritivas adotadas contra órgãos de imprensa e jornalistas.

“Tais decisões agravam o quadro de perseguição sistemática aos defensores de direitos humanos, além de representarem restrição inaceitável às liberdades individuais, de expressão e de associação”, declarou o governo brasileiro.

Desde abril, manifestantes têm ido às ruas, nas principais cidades do país, para pedir que Daniel Ortega deixe o poder. A repressão do regime contra a população tem sido severa.

Newsletter RENOVA

Receba gratuitamente as principais notícias do Brasil e do Mundo por email.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

Veja também...