Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Brasil é líder na América Latina em inovação de estudos clínicos

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Brasil é líder na América Latina em inovação de estudos clínicos
COMPARTILHE

Os focos dos estudos no Brasil são principalmente em oncologia, imunologia e virologia.

Centros de pesquisa de universidades têm se tornado terreno fértil para descobertas clínicas inovadoras no combate a doenças raras e crônicas, como alguns tipos de câncer, e colocam o Brasil na liderança desses estudos na América Latina.

De acordo com o Conselho Nacional de Saúde, pesquisas clínicas são estudos no qual participam, individual ou coletivamente, seres humanos, incluindo o uso de seus dados, informações ou materiais biológicos para verificar a segurança e eficácia de protocolos e medicamentos para determinadas doenças.

Atualmente, o Brasil tem 6910 estudos clínicos, dos quais 1487 estão em andamento e 495 na fase III, quando se testa a dose do medicamento em comparação com o tempo de resposta no paciente, segundo os dados da organização internacional Clinical Trial.

O número coloca o país na dianteira na América Latina, que apresenta um quadro total de quase 10 mil pesquisas desse tipo, mas ainda representa uma pequena parte quando comparada às 300 mil pesquisas registradas no mundo até 2 de maio deste ano, informa a agência EFE.

“O Brasil é líder em estudos clínicos na América Latina e o país mais atrativo para pesquisa […] As pesquisas clínicas ajudam não só na descoberta de medicamentos, mas a saber impactos de doenças que ajudam, por exemplo, a modificar uma política pública”, destacou a diretora médica da biofarmacêutica AbbVie no Brasil, Karina Fontão.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM