- PUBLICIDADE -

Brasil mantém meta de zerar desmatamento ilegal na Amazônia, diz Salles

COP 25 nao deu em nada diz Ricardo Salles
Imagem: Reprodução/Twitter

O compromisso de colocar um ponto final no desmatamento até 2030 continua de pé.

- PUBLICIDADE -

Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente, afirmou, nesta terça-feira (4), que uma mudança no PPA (Plano Plurianual) de 2020 a 2023 não acaba com meta do Brasil de zerar o desmatamento ilegal na Amazônia.

O compromisso firmado pelo Acordo de Paris de colocar um ponto final no desmatamento até 2030 continua de pé, de acordo com o ministro.

Salles afirmou que a mudança no plano tem como objetivo traçar uma estratégia “ano a ano” para conseguir zerar o desmatamento na Amazônia até 2030.

“Essa sugestão foi discutida com o Ministério da Economia, inclusive numa reunião virtual na semana passada. E ficou o consenso de que essa forma de fazer o atingimento da meta, através de passos concretos, é a maneira mais adequada”, disse o ministro, informa o portal UOL.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -