Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Brasil precisa ‘atacar frontalmente’ o desemprego, diz Guedes

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Paulo Guedes sugere demissão de grevistas da Petrobras
COMPARTILHE

“São 38 milhões de pessoas que eram desempregadas e a covid-19 mostrou isso”, diz Guedes.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que as principais preocupações do governo Jair Bolsonaro são saúde, emprego e renda. 

Em entrevista à emissora CNN Brasil, neste domingo (5), Guedes declarou: 

“Ano passado, a principal preocupação fiscal era com gastos elevados e juros altos. Hoje, não é isso. Hoje, os principais fatores são saúde, emprego e renda.”

Ao se referir às pessoas que não têm emprego formal e também não recebiam assistência, Guedes disse que o Brasil precisa fazer um programa para “atacar frontalmente” o desemprego em massa:

“São 38 milhões de pessoas que eram desempregadas e a covid-19 mostrou isso.”

Ao comentar sobre o efeito econômico do coronavírus, Guedes disse que o fato de o País não estar integrado a cadeias globais se tornou uma “benção” por não afetar tanto o Brasil economicamente durante a pandemia.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.