PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Brasileira que sonha ser astronauta faz vaquinha para estudar nos EUA

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

“Pretendo levar a bandeira brasileira para o espaço e expandir meus projetos educacionais no Brasil e no mundo”, diz estudante.

Aos 21 anos de idade, Maria Gisllanny Bezerra Silva, acadêmica de Física da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT), tem o sonho de representar o Brasil no espaço.

Maria Gisllanny conseguiu aprovação na universidade Sweet Briar College, na Virginia, nos Estados Unidos, para o curso de engenharia e física, mas diz estar precisando de ajuda financeira com “passagens e custos adicionais”.

Para arrecadar recursos para as despesas, a jovem lançou a vaquinha online “Maria rumo a Marte”, na qual qualquer pessoa pode contribuir

Em uma campanha aberta, nesta quarta-feira (18), no site Catarse, a “futura astronauta Maria” colocou uma meta de arrecadação de R$ 12.252 para financiar os custos, que foram elencados no texto.

“Fui aprovada com bolsas para o curso de graduação nos EUA na Universidade Sweet Briar College em Virgínia, porém há custos que as bolsas não irão cobrir como seguros, passagens, livros etc”, explica Maria Gisllanny.

Apesar de ainda ser bastante jovem, a aspirante a astronauta brasileira já apresenta uma grande bagagem curricular. 

No ano de 2015, a jovem estudante conheceu o astronauta brasileiro Marcos Pontes, atual Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, que a indicou o professor Dr. Marcelo Souza como orientador de uma pesquisa.

No ano seguinte, Maria foi convidada para participar do projeto oficial da NASA, “Mission X – Train Like an astronaut”, pelo Dr. Marcelo Souza, líder do projeto no Brasil.

No mesmo ano fiquei entre os três classificados do concurso de redação científica da NASA – “Cassini Scientist for a Day”.

estudante

Em abril deste ano, a estudante foi classificada como uma dos 24 jovens líderes e inovadores de diversos países vencedores do STEAM e Space Award da ONG The Mars Generation (em português ‘Geração Marte’), informa a revista Galileu.

“Não pretendo parar por aí, nasci em Serra Talhada – PE e pretendo levar a bandeira brasileira para o espaço e expandir meus projetos educacionais no Brasil e no mundo”, completa Maria Gisllanny em sua vaquinha.

Maria classificou a arrecadação como uma “campanha de emergência”. A viagem está programada para o dia 5 de janeiro de 2020.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.