Bretas condena ex-secretário de Eduardo Paes a 22 anos de prisão

Idiomas:

Português   English   Español
Bretas condena ex-secretário de Eduardo Paes a 22 anos de prisão
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Alexandre Pinto atuou durante a gestão do ex-prefeito Eduardo Paes como secretário de Obras.

Em decisão tomada pelo juiz Marcelo Bretas nesta quinta-feira (10), o ex-secretário Alexandre Pinto foi condenado a mais 22 anos e 11 meses de prisão, pelos crimes de corrupção passiva e participação em organização criminosa.

O ex-funcionário de Sergio Cabral atualmente cumpre outra sentença, de 23 anos e cinco meses, por lavagem de dinheiro.

A pena foi proferida por Marcelo Bretas, juiz da 7ª Vara Federal Criminal, no âmbito da Operação Rio 40 Graus, que investigou pagamento de propinas por empreiteiras, deflagrada em 2017.

Em sua sentença, Bretas ressaltou que entre os agravantes estão o nível intelectual, profissional e sua posição no governo à época, informa a “VEJA“.

Newsletter RENOVA

Receba diariamente as últimas notícias do Brasil e do Mundo.

Curta e compartilhe esta notícia

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário

Veja outras notícias em destaque