- PUBLICIDADE -

Bulgária investiga transferências milionárias do regime chavista

Bulgária investiga transferências milionárias do regime chavista
- PUBLICIDADE -

O Ministério Público da Bulgária anunciou nesta quarta-feira (13) o bloqueio das contas bancárias de um advogado que recebeu milhões de dólares da estatal petrolífera venezuelana PDVSA.

O anúncio foi feito em entrevista coletiva pelo procurador-geral da Bulgária, Sotir Tsatsarov, e o diretor da Agência de Segurança Nacional, Dimitar Georgiev.

“Através das contas que ele administrava foram feitas várias transferências para bancos em países terceiros e as razões destas transferências não têm nada a ver com a atividade de um advogado”, disse Tsatsarov, segundo a agência EFE.

Por não existir nenhuma justificativa para essas transferências, o procurador-geral da Bulgária explicou que está sendo investigado um possível caso de lavagem de dinheiro.

As informações para esta investigação foram proporcionadas pelas autoridades dos Estados Unidos, que impuseram sanções adicionais à PDVSA no final de janeiro.

Tsatsarov não deu mais detalhes sobre o montante transferido nem sobre a identidade do proprietário da conta em uma entidade financeira de pequeno porte.

Segundo o procurador, a agência estatal de contraespionagem iniciou investigações em todo o sistema bancário búlgaro para detectar outras possíveis transferências a partir da Venezuela depois de surgir este caso.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -