- PUBLICIDADE -

Cadáveres de visons sacrificados na Dinamarca ressurgem na superfície

Cadáveres de visons sacrificados na Dinamarca ressurgem na superfície

Visons mortos estão cobertos apenas por uma fina camada de calcário e de terra arenosa.

- PUBLICIDADE -

O governo da Dinamarca enfrenta um novo problema envolvendo os visons, pequenos mamíferos cuja pele é usada na produção de casacos e outras peças de vestuário.  

Milhares de animais mortos e enterrados ressurgiram sob os efeitos dos gases de decomposição.  

O fenômeno foi registrado num terreno militar perto de Holstebro, no oeste do território dinamarquês, em uma fossa improvisada. 

O ressurgimento dos visons acontece depois do governo dinamarquês sacrificar mais de 10 milhões de animais após a detecção de uma variante do novo coronavírus que poderia prejudicar a eficácia de vacinas.  

Os animais que ressurgiram foram enterrados a 200 metros de um lago, levantando preocupações sobre problemas de poluição por fósforo e nitrogênio, o que as autoridades prometeram resolver. 

Os cadáveres dos visons estão cobertos apenas por uma fina camada de calcário e de uma terra muito arenosa, o que teria facilitado o fenômeno, segundo as autoridades locais. 

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -