Português   English   Español
Português   English   Español

Caminhoneiros da Venezuela ao lado de Juan Guaidó

Caminhoneiros da Venezuela ao lado de Juan Guaidó
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Os principais sindicatos de caminhoneiros da Venezuela se uniram nesta quarta-feira (20) em apoio ao presidente interino, Juan Guaidó.

Os caminhoneiros prometeram buscar a ajuda humanitária enviada pelos Estados Unidos que está armazenada na fronteira com a Colômbia.

O presidente interino Juan Guaidó prometeu ao povo que as toneladas de mantimentos entrariam na Venezuela a partir deste sábado, dia 23 de fevereiro.

Segundo representantes do setor, mais de 300 caminhões tentarão cruzar as fronteiras do país para recolher alimentos e remédios na Colômbia e no Brasil.

O caminhoneiro e sindicalista Hugo Ocando afirmou:

“Esperamos abrir a fronteira para buscar alimentos, remédios e pneus. Mais de 90% da categoria apoia a oposição.”

Em reunião com caminhoneiros, segundo o Estadão, Guaidó detalhou sua estratégia para receber a ajuda:

“Vamos nos concentrar nos quartéis de maneira pacífica, mas muito contundente. Iremos a cada um desses postos exigir ajuda humanitária.”

Durante o encontro, Guaidó também revelou que parte da ajuda deve entrar “por terra e por mar”, esta última pelos portos de La Guaira e Puerto Cabello.

Em resposta, a ditadura de Nicolás Maduro suspendeu as saídas de embarcações de todos os portos do país até o dia 24, como noticiou a RENOVA.

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...