Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Campanha de Alckmin convoca guerra contra apoiadores de Bolsonaro

Tarciso Morais

Tarciso Morais

COMPARTILHE

Em evento no Rio de Janeiro, nesta terça-feira (21), os apoiadores de Geraldo Alckmin foram convocados a entrar “em guerra” nas redes sociais com eleitores do concorrente Jair Bolsonaro (PSL).

O coordenador de mídias sociais de Alckmin, Fabricio Moser, instou cabos eleitorais a se engajar fortemente na campanha feita no Facebook e pelo WhatsApp. Orientou os presentes, cerca de 800 pessoas, a entrar no “exército de Alckmin no Rio de Janeiro” e aderir à “guerra” contra apoiadores de Jair Bolsonaro, argumentando que o perfil do tucano no Facebook sofreu “ataques de bolsominions”.

Moser ensinou a plateia a reagir às postagens de Geraldo Alckmin com o ícone “uau” (um emoticom de boca aberta), para “equilibrar a estética dos posts”, que recebem reações com emoticons de raiva dos eleitores de Bolsonaro.

O coordenador tucano afirmou ainda que textos de campanha devem ser compartilhados pelo WhatsApp. “Ele tem muito robô e a galera dele vai lá e faz o que tem que fazer”, afirmou Moser sobre Bolsonaro.

 

Adaptado da fonte Estadão
- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.