Português  English  Español

Apoie o jornalismo independente!

Candidato ao governo de São Paulo sofre tentativa de homicídio

Candidato ao governo de São Paulo sofre tentativa de homicídio
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O candidato Major Costa e Silva (DC) e seu coordenador de campanha foram alvo de dois bandidos que atiraram de uma moto.

O candidato da Democracia Cristã (DC) ao governo do estado de São Paulo, Major Costa e Silva, foi alvo de um ataque na noite desta terça-feira (3).

O ataque aconteceu na Estrada Cooperativa, em Ribeirão Pires, na Grande São Paulo. O caso foi registrado na delegacia do município.

A assessoria informou que dois homens em uma moto se aproximaram do carro onde o Major estava com seu coordenador de campanha, Capitão Munhoz. Da moto, foram efetuados disparos contra o veículo.

Um dos tiros atingiu Capitão Munhoz, que estava de colete à prova de balas e reagiu. O candidato não foi atingido. Ainda segundo a assessoria de imprensa de Costa e Silva, os tiros também atingiram o pneu do carro, o que fez o veículo capotar e cair em um córrego.

Major Costa e Silva e Capitão Munhoz só conseguiram sair do veículo após atirarem contra o para-brisa. Os dois foram levados para o Hospital Santa Helena, em Santo André.

O boletim de ocorrência do caso informa que os dois voltavam de um evento político em Mauá, também na Grande São Paulo, quando foram alvo dos disparos. “Os ocupantes do veículo revidaram aos disparos e desviaram o carro para um acostamento. O veículo acabou parando num brejo e está semi afundado”, diz o boletim.

Em post no perfil do candidato no Facebook, mensagem informa que “motocicletas fecharam o veículo na estrada Mauá-São Paulo e descarregaram suas armas no veículo”.

 

Adaptado da fonte G1

Compartilhe...

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...