- PUBLICIDADE -

Candidatura de Amoêdo enfrenta resistência de ala do partido Novo

- PUBLICIDADE -

Amoêdo aceitou o convite feito pela quase totalidade dos integrantes da Convenção Nacional.

João Amôedo foi anunciado, na última terça-feira (1º), como pré-candidato do partido Novo à Presidência da República.

No entanto, parte da legenda discorda da nova chance de Amoêdo na disputa ao Palácio do Planalto e está em campanha para emplacar o nome do deputado federal Tiago Mitraud, de Minas Gerais.

O parlamentar tem o apoio de colegas da bancada federal do Novo, que é composta por oito deputados.

Mitraud, entretanto, precisa da assinatura de pelo menos 21 dirigentes do Novo para ser convidado a se candidatar pela sigla ao Planato.

Acredito que já temos mais de 13 assinaturas”, afirmou o colega de Câmara Federal, Gilson Marques (SC). 

Todo partido tem divergências internas e o Novo respeita seus filiados“, disse o deputado Marcel Van Hattem (RS), que também defende o nome de Mitraud.

Em nota divulgada anteontem, como noticiou a Renova, o Novo informou que Amoêdo — um dos fundadores do partido — aceitou o convite feito pela quase totalidade dos integrantes da Convenção Nacional para ser pré-candidato à Presidência no ano que vem.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -