- PUBLICIDADE -

Carlos Bolsonaro quer ser porta-voz, diz general Paulo Chagas

Carlos Bolsonaro quer ser porta-voz diz general Paulo Chagas
- PUBLICIDADE -

“Acho que Carlos quer assumir o papel de porta-voz. E Feliciano tem ciúme de quem tem prestígio com Bolsonaro”, afirmou o general.

O general da reserva Paulo Chagas saiu em defesa do porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, segundo informações do jornal Folha.

Recentemente, Rêgo Barros foi alvo de críticas proferidas pelo vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) e pelo deputado federal Marco Feliciano (Pode-SP) após o desastroso café da manhã com jornalistas da imprensa internacional, na última sexta-feira, 19 de julho.

Paulo Chagas saiu em defesa do colega de farda:

“Rêgo Barros é preparado. Tudo o que ele está fazendo, faz com consentimento. Acho que Carlos quer assumir o papel de porta-voz. E Feliciano tem ciúme de quem tem prestígio com Bolsonaro.”

Apesar das críticas do filho, o presidente da República, Jair Bolsonaro, demonstrou confiança no trabalho do general Rêgo Barros.

“É uma pessoa que tem me tratado com muito zelo, muita preocupação”, disse Bolsonaro sobre o militar.

Nesta segunda-feira (22), em entrevista coletiva, o porta-voz garantiu que os cafés da manhã do chefe do Executivo com jornalistas vão continuar acontecendo.

“Sim, conversamos hoje pela manhã com o senhor presidente, que nos deu suporte a mantermos esse relacionamento com imprensa, a provermos mais cafés da manhã”, afirmou Rêgo Barros.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -