Carlos diz que Bolsonaro não pode ser culpado pelo fim do Mais Médicos

Português   English   Español
Carlos diz que Bolsonaro não pode ser culpado pelo fim do Mais Médicos
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

O vereador Carlos Bolsonaro usou sua conta no Twitter para contestar a narrativa propagada pelos opositores do seu pai sobre a saída de Cuba do programa Mais Médicos.

Os opositores do presidente eleito – com apoio de parte da grande mídia – estão responsabilizando Jair Bolsonaro pela decisão da ditadura cubana de interromper o acordo com o Brasil no programa Mais Médicos.

Bolsonaro tinha dito que queria rever as condições do acordo. Antes disso, Cuba anunciou que interromperia o acordo e ordenou que os milhares de profissionais cubanos no país voltassem à ilha.

Mas, na opinião do vereador, a decisão da ditadura comunista envolve mais do que o programa. Para Carlos Bolsonaro, trata-se de “um conluio para desgastar um presidente que nem assumiu ainda!”.

Confira a mensagem publicada pelo filho do presidente eleito na tarde deste domingo (18).

SIGA A RENOVA

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...