Cármen Lúcia teme ataques de petistas contra o Judiciário

O Partido dos Trabalhadores (PT) prometeu levar quarenta mil milicianos para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no dia 15 de agosto.

A presidente do Supremo, ministra Cármem Lúcia, teme novos atos de vandalismo contra o Judiciário. Dias atrás, a entrada do STF foi vandalizada por um pequeno grupo de militantes pró-Lula.

Cármem Lúcia está certa em ficar preocupada com novos ataques. Afinal, os petistas pretendem causar um alvoroço em Brasília em busca da confirmação da candidatura do presidiário Luiz Inácio Lula da Silva.

Confira o tom do manifesto publicado pelo PT:

No dia 15 de agosto uma grande marcha irá a Brasília inscrever Luiz Inácio Lula da Silva para a candidatura a Presidente da República, no Tribunal Superior Eleitoral.

Milhares de pessoas de todo o Brasil vão participar do ato porque Lula é inocente e vai ser nosso candidato a presidente de novo, para a economiavoltar a ser forte e o Brasil respeitado no mundo. Milhares de pessoas irão a Brasília para o trabalhador voltar a ter salário digno e carteira assinada. Milhares irão a Brasília para ver a Petrobras valorizada, com combustíveis baratos.

 

Adaptado da fonte O Antagonista
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia