Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Caso Odebrecht: Justiça manda prender Keiko Fujimori

Justiça do Peru decreta prisão de Keiko Fujimori por caso Odebrecht
COMPARTILHE

Keiko é acusada de ter recebido doações ilegais da empreiteira brasileira Odebrecht em sua campanha presidencial de 2011.

A Justiça do Peru ordenou, mais uma vez, a prisão da líder opositora Keiko Fujimori.

Fujimori havia sido libertada em novembro de 2019, após ter passado mais de um ano na cadeia sob acusação de corrupção.

Acatando parcialmente um pedido do Ministério Público, o juiz determinou que Fujimori cumpra 15 meses de prisão preventiva, informa a agência ANSA.

De acordo com o magistrado, os procuradores comprovaram a existência de uma organização criminosa paralela no partido Força Popular, liderado por Keiko.

A sigla, que controlava dois terços do Congresso até pouco tempo atrás, sofreu uma derrota histórica nas eleições legislativas de 26 de janeiro.

O partido de Fujimori terá apenas 12 dos 130 assentos, de acordo com resultados preliminares.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE