Português   English   Español

CCR afirma que Gleisi recebeu R$ 3 milhões de caixa 2

A CCR afirmou que doou R$ 3 milhões por meio de caixa dois para a então candidata a senadora Gleisi Hoffmann, atual presidente do PT, em 2010.

A delação contra Gleisi Hoffmann foi feita pela concessionária em acordo que fez com o Ministério Público de São Paulo, informa a Folha.

No mesmo ano, o então senador Aloizio Mercadante (PT-SP) pediu R$ 3 milhões e recebeu R$ 1,7 milhão também via caixa dois, de acordo com a companhia.

O relato da doação a Gleisi foi feito pelo ex-presidente da CCR Renato do Valle em depoimento a promotores da área de Patrimônio Público e do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado).

Nesta quinta-feira (29), a mesma concessionária delatou nomes importantes do partido PSDB, conforme noticiou a Renova Mídia.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter