Português   English   Español
Português   English   Español

Celas separadas para presos na operação da PF contra hackers

Celas separadas para presos na operação da PF contra hackers
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Os suspeitos de hackear os celulares de autoridades foram transferidos para Brasília. Depoimentos devem acontecer nesta quarta-feira (24).

Os quatro suspeitos de terem invadido os celulares do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e o procurador da República, Deltan Dallagnol, estão sendo mantidos em celas separadas.

Dois deles estão mantidos na Superintendência da Polícia Federal (PF), em Brasília, e os outros permanecem detidos no aeroporto da capital do Distrito Federal, segundo informações do jornal O Globo.

O objetivo da PF com a estratégia é evidente: evitar que os supostos hackers combinem as versões de seus depoimentos.

Apenas um dos detidos na Operação Spoofing, lançada nesta terça-feira (23), foi ouvido até o momento. Os outros três devem falar até o fim desta quarta-feira (24).

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...

Curta a RENOVA!