- PUBLICIDADE -

Chanceler do Brasil ‘não vê problema’ em vitória de Biden nos EUA

Araújo diz que ‘cenário pré-eleitoral’ influencia decisão de Trump
- PUBLICIDADE -

Mudança de mentalidade em relação aos EUA não se deve apenas a essa sintonia com Trump, diz Araújo.

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, afirmou, nesta terça-feira (25), que “não existe alinhamento automático” com os Estados Unidos.

Araújo enfatizou que o governo de Jair Bolsonaro “não vê problema na hipótese de uma vitória de Biden” nas eleições de novembro no país.

Joe Biden é o candidato do Partido Democrata à Casa Branca.

Para uma plateia de militares (da ativa e da reserva) e parlamentares, Araújo disse que a “relação de confiança” entre brasileiros e americanos vai continuar, seja qual for o resultado da eleição nos EUA.

O chanceler afirmou que a relação entre Trump e Bolsonaro ajudou a construir esse vínculo de confiança, dadas “visões de mundo similares”.

Araújo acrescentou que há uma “mudança de mentalidade” em relação aos EUA, e ela não se deve apenas a essa sintonia com Trump, destaca O Globo.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -