Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Chanceler dos EUA mira influência do Partido Comunista Chinês

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Chanceler dos EUA mira influência do Partido Comunista Chinês
COMPARTILHE

Ao longo de seu período como chanceler, Pompeo tomou várias medidas importantes para combater a influência global da China.

O chanceler Mike Pompeo disse que os Estados Unidos consideram os esforços do Partido Comunista Chinês para ganhar influência mundo afora como um “risco” para a segurança nacional do país.

Em entrevista ao site Breitbart News, na última sexta-feira (16), Pompeo declarou:

“O Partido Comunista Chinês trabalhando dentro de seu próprio país é uma coisa. Os esforços deles para criar controle e influência em todo o mundo são bem diferentes, e temos a responsabilidade de consertar isso.”

Pompeo continuou: 

“Estamos trabalhando para combater isso. Queremos coisas boas para o povo chinês. Não temos nada contra eles. Mas o regime, o próprio Partido Comunista Chinês, está agindo de maneira que prejudica os Estados Unidos da América.”

E completou:

“O Presidente Trump deixou claro que vamos garantir, proteger e manter os americanos seguros e fazer tudo o que for necessário para garantir que os americanos possam operar livremente em todo o mundo de maneira justa, recíproca e eqüitativa.”

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram