Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Chanceler dos EUA não descarta ação militar na Venezuela

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Chanceler dos EUA não descarta ação militar na Venezuela

“Se for necessário, isso é o que os EUA farão”, alertou o secretário de Estado dos EUA.

O chanceler norte-americano, Mike Pompeo, disse que os Estados Unidos estão preparados para realizar uma ação militar para conter a turbulência na Venezuela.

Durante entrevista a uma emissora de TV, nesta quarta-feira (1º), Pompeo afirmou que uma “ação militar é possível”. “Se for necessário, isso é o que os EUA farão”, acrescentou.

Mesmo assim, o chanceler ressaltou que Washington preferiria uma transição de poder pacífica no país controlado pela ditadura de Nicolás Maduro.

Na terça-feira (30), em meio aos protestos contra Maduro, Pompeo havia afirmado que o líder chavista estava pronto para deixar a Venezuela, mas acabou desistindo de seu plano após intervenção da Rússia, como noticiou a RENOVA.

Ainda nesta quarta, segundo o Estadão, o Ministério das Relações Exteriores da Rússia rejeitou a informação de que teria convencido Maduro a não fugir do país diante dos protestos organizados pelo presidente interino Juan Guaidó.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email