Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Chanceler dos EUA pede para China ‘confessar’ origem do coronavírus

Chanceler dos EUA pede para China ‘confessar’ origem do coronavírus
COMPARTILHE

“O governo chinês precisa confessar tudo”, disse o chanceler norte-americano.

Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, confirmou, nesta quarta-feira (15), que seu governo está investigando o Instituto de Virologia de Wuhan, na China, como possível ponto de partida do novo coronavírus.

A declaração de Trump foi feita em conversa com a imprensa nos jardins da Casa Branca, como noticiou a RENOVA.

Após a coletiva do mandatário norte-americano, o chanceler dos EUA, Mike Pompeo, concedeu uma entrevista à emissora Fox News, que publicou uma reportagem conectando o laboratório chinês com a origem da pandemia.

Pompeo foi enfático ao dizer que os EUA sabem “que esse vírus se originou em Wuhan, na China”. 

O chanceler ainda destacou que o Instituto de Virologia de Wuhan fica a apenas alguns quilômetros de distância do mercado de animais silvestres, que foi apontado, inicialmente, como local de origem do Covid-19.

Durante a entrevista, Pompeo declarou:

“Nós realmente precisamos que o governo chinês se abra e ajude a explicar exatamente como esse vírus se espalhou.”

E completou:

“O governo chinês precisa confessar tudo e precisa ser responsabilizado. Precisa explicar o que aconteceu e por que essas informações não foram disponibilizadas de maneira mais ampla.”

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários