- PUBLICIDADE -

Chanceler dos EUA quer ajuda para acabar com ‘tirania’ de Maduro

EUA negam envolvimento com apagão na Venezuela
- PUBLICIDADE -

Pompeo está na Colômbia para primeira parada de uma viagem pela América Latina e no Caribe.

Mike Pompeo, chanceler dos Estados Unidos, convocou, nesta segunda-feira (20), seus aliados a manter os esforços para acabar com a “tirania” do ditador Nicolás Maduro, da Venezuela.

Durante sua visita a Bogotá, capital da Colômbia, Pompeo reativou seu apoio aos opositores de Maduro:

“O mundo deve continuar apoiando os esforços do povo venezuelano para voltar à democracia e acabar com a tirania de Maduro, que prejudica milhões de venezuelanos e afeta a Colômbia e toda a região.”

Após conversar com o presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, Pompeo acrescentou:

“Espero que ações mais permanentes dos Estados Unidos continuem apoiando o presidente Guaidó e o povo venezuelano.”

Antes do encontro com o opositor venezuelano, Pompeo conversou com o presidente da Colômbia, Iván Duque, com quem também participou de uma conferência regional sobre a luta contra o terrorismo, informa a agência AFP.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -