Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Chanceler dos EUA visita Vaticano após críticas à China

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Chanceler dos EUA visita Vaticano após críticas à China
Imagem: ARIS MESSINIS/AFP
COMPARTILHE

Apesar de especulações envolvendo a China, o encontro não teve a pauta adiantada.

O Vaticano confirmou para a próxima quinta-feira, 1º de outubro, uma reunião formal entre o secretário de Estado, cardeal Pietro Parolin, e seu homólogo dos Estados Unidos, Mike Pompeo

No entanto, é certo que o representante de Washington não se reunirá com o Papa Francisco

O líder da Igreja Católica não faz reuniões de Estado com membros de países que estejam vivenciando um processo eleitoral, como é o caso dos EUA.

Um dos assuntos que devem ser debatidos, de acordo com fontes vaticanas ouvidas pela agência ANSA, será o acordo entre a Igreja Católica e a China para a nomeação de bispos e arcebispos católicos no país. 

O pacto, que entrou em vigor em 2018, está em vias de ser renovado agora em outubro. Pompeo, previamente, já havia criticado a aproximação entre Pequim e o Vaticano.

“O Departamento de Estado é uma voz forte pela liberdade religiosa na China e no mundo. Continuaremos a ficar ao lado dos católicos chineses e pedimos ao Vaticano que se junte a nós”, disse Pompeo há alguns dias, como noticiou a RenovaMídia.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram