- PUBLICIDADE -

Chefe de Hong Kong rompe vínculos com Universidade de Cambridge

EUA anunciam sanções contra mandatária de Hong Kong

A administração da universidade pretendia analisar em setembro o título de membro honorário de Lam.

- PUBLICIDADE -

Carrie Lam, chefe do Executivo de Hong Kong, anunciou, no último sábado (15), a “devolução” do título de membro honorário de uma das faculdades da Universidade de Cambridge.

A decisão é um protesto pelas acusações de violação da liberdade acadêmica no território controlado pelo regime comunista da China.

Lam se declarou “profundamente decepcionada com a faculdade, que calunia uma pessoa com base em boatos, mais do que em fatos”.

A governante negou a intenção de acabar com as liberdades no território e afirma que estas são acusações “sem fundamento”, informa a agência France-Presse.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -