Chefe do tráfico no Rio morre com disparo do próprio fuzil

Idiomas:

Português   English   Español
Chefe do tráfico no Rio morre atingido pelo próprio fuzil
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Morreu nesta segunda-feira (22) o traficante César Augusto Alta de Araújo, de 30 anos, que era apontado pela polícia como chefe do tráfico do complexo do Chapadão, na zona norte do Rio.


Os atiradores de elite do governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, não foram necessários para neutralizar o bandido conhecido como “PQD do Chapadão”, que morreu manuseando o próprio fuzil.

O traficante foi atingido por estilhaços no pulmão e no abdômen. Ele chegou a ser conduzido a um hospital particular em São João de Meriti, na Baixada Fluminense.

Após a polícia localizá-lo, PQD foi preso e encaminhado a um hospital penitenciário na última quinta-feira (18) após ter se machucado em um “acidente de trabalho”.

Siga a RENOVA no TWITTER e acompanhe todas as notícias em tempo real.

A morte foi confirmada na manhã desta segunda-feira (22) pela Secretaria de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro.

O meliante teria participado de tiroteios ocorridos em Brás de Pina na última semana e é apontado como um dos responsáveis pelas recentes disputas de território envolvendo o morro do Cajueiro, no bairro de Madureira, na zona norte da cidade, informa o UOL.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

Veja também...